sexta-feira, fevereiro 20, 2009

Emagreça comendo açaí

A chamada Açaí Berry Diet (Dieta do Açaí) está se tornando moda no exterior.


Apesar da fruta ser conhecida por seus benefícios, como o combate aos radicais livres e suas propriedades energéticas, quem adotar a dieta precisa tomar cuidado: a fruta é extremamente calórica. Bom senso na hora do consumo é necessário, ou então a dieta vai ter o efeito contrário do desejado.

O açaí é encontrado na Região Norte do Brasil, originalmente na floresta amazônica. É bastante popular entre atletas de alto rendimento, que procuram produtos derivados da fruta para repor as energias perdidas durante a prática do esporte.

A popularização súbita da fruta que mal era conhecida fora do país se deve à famosa apresentadora norte-americana Oprah Winfrey, que falou da dieta em seu programa. Oprah é conhecida por ser uma representante do efeito “sanfona” (um ano está magra e, no outro, já está acima do peso novamente), mas dessa vez a quantidade de peso perdida foi realmente significativa.

Depois de aparecer na Oprah a febre se espalhou, e o “pequeno milagre brasileiro” da dieta do açai já apareceu até mesmo em noticiários da CNN.

Especialistas classificam a fruta como “superfood” (super comida). Isso quer dizer que o açaí tem inúmeros nutrientes, capazes de suprir quase todas as necessidades do corpo humano.

Os americanos consomem a fruta seca, ou em cápsulas, já que o açaí não permanece fresco ao ser transportado para os quatro cantos dos EUA. No entanto nós, brasileiros, temos a chance de comer o açaí in natura, mantendo todas as suas propriedades.

Nutricionistas afirmam que o açaí em sua forma original é bem mais saudável do que sua polpa, usada para fazer o famoso “açaí na tigela”.

Não há uma fórmula exata para a dieta do açai, as pessoas substituem refeições pelas frutas (ou cápsulas, no caso dos americanos) usando apenas o bom senso. Mas toda atenção é necessária, afinal, 100 gramas da fruta possuem 247 calorias.

E, quando associada com outros compostos como o guaraná, outro ingrediente do açaí na tigela, pode se tornar ainda mais calórico.
Veja mais: http://hypescience.com/

Nenhum comentário: